in

Coronavírus: motorista de ônibus exigiu uso de máscara e aconteceu o pior

Polícia já deteve os quatro agressores, que vão ser acusados por esse crime bárbaro.

Máscara - Shutterstock

Essa pandemia do novo coronavírus está fazendo mal para muitas pessoas, não apenas diretamente. Além de todas as vítimas mortais e seus familiares e amigos, tem ainda esse receio de todos com a Covid-19, prejudicando a saúde mental. Mas também as economias estão sentindo muita dificuldade, com tudo isso acontecendo e até a intolerância parece estar crescendo, com alguns casos em que as pessoas parecem estar sem paciência para aceitar um conselho ou uma regra.

Publicidade

Motorista agredido até à morte  

Aconteceu na França um dos casos mais graves que essa intolerância está fazendo. Então, Philippe Monguillot, motorista de ônibus, apenas pediu para as pessoas subirem de máscara. É obrigatório na França a utilização de máscara para andar de ônibus, para travar a propagação do novo coronavírus. A França que foi um dos países mais afetados na Europa com essa pandemia, com mais de 30 mil vítimas mortais.

Nesse caso específico, o motorista apenas pediu para colocarem uma máscara, uma regra obrigatória no país, mas ele acabou sendo espancado, acabando por morrer dias depois no hospital. É uma das notícias mais tristes de toda essa pandemia, quando ele apenas tentava cumprir uma regra. Ele mesmo seria multado se os policiais percebessem que em seu ônibus estavam viajando pessoas sem máscara, colocando a todos em risco.   

Publicidade

Polícia francesa deteve os quatro agressores  

Infelizmente, a intolerância é muita por esses dias. Não só eles não aceitaram colocar a máscara como ainda bateram no motorista, de 59 anos de idade, até ele perder a consciência, em Bayonne, na França. Dias depois, sua filha de 18 anos confirmou a morte de seu pai. A família mesmo teria dado permissão para os médicos desligarem os aparelhos que mantinham ele com vida.

Publicidade

De acordo com testemunhas, Monguillot teria percebido que quatro homens estavam viajando sem máscara e alertou os homens sobre essa infração. O motorista não queria ninguém sem máscara no ônibus e acabou sendo espancado e isso resultou na morte dele. De acordo com a agência AFP, a polícia conseguiu identificar esses quatro agressores, que já se encontram detidos e vão ser acusados por esse crime bárbaro contra o motorista de ônibus francês.

Publicidade
Publicidade
Publicidade