in

Carnaval em 2021? Prefeito de Salvador dá declaração preocupante aos brasileiros: ‘Ninguém vai autorizar’

O Carnaval é uma das festas mais esperadas do ano e ficou mundialmente conhecido por levar milhões de pessoas às ruas.

Reprodução/Exame

A pandemia do novo coronavírus é um problema que vai muito além da saúde pública e também afetando de forma avassaladora as finanças de milhões de cidadãos brasileiros. Ainda não existe uma vacina para curar a doença de forma realmente efetiva.

Publicidade

Carnaval em 2021?

Sem a possibilidade de curtir os bares e festas com grandes aglomerações, os brasileiros se pegam em casa entediados e muitos mal podem esperar pelo fim da quarentena. O Carnaval em 2021 é algo que preocupa muitos jovens no momento e a declaração do prefeito de Salvador, ACM Neto, não foi nada animadora.

“Se não houver uma vacina ou se não houver uma clareza em relação à imunidade coletiva até o mês de novembro, então pode ser que a prefeitura não tenha elementos de segurança para manter o carnaval”, disse o prefeito de Salvador.

Publicidade

O Carnaval de Salvador é um dos mais reconhecidos mundialmente e leva milhões de pessoas às ruas, movimentando também a economia local. O prefeito completou sua entrevista e reforçou que, caso não tenha segurança plena, a festa não irá acontecer.

Publicidade

“Caso cheguemos ao mês de novembro sem segurança plena para realizar o carnaval em fevereiro, eu acredito que ninguém vai autorizar que a festa aconteça, eu não autorizaria”, completou ACM Neto.

Publicidade

Crise econômica

O Brasil já enfrentava diversas dificuldades antes da pandemia e a preocupação é grande do presidente Jair Bolsonaro com a saúde econômica nacional nos próximos anos. O líder do executivo segue à favor do retorno do povo ao trabalho e da abertura do comércio. Vale lembrar que Bolsonaro também foi recentemente diagnosticado com o novo coronavírus.

E para você leitor, o Carnaval de 2021 deveria ser realizado normalmente como todos os anos, cancelado ou adiado? Deixe sua opinião nos comentários.

Publicidade
Publicidade
Publicidade