in

Auxílio Emergencial: Dataprev anuncia novidade importante para os brasileiros

Caixa Econômica segue liberando saques e creditando os valores do Auxílio Emergencial para milhares de brasileiros.

Tecnoblog

Responsável por analisar e aprovar os cadastros do Auxílio Emergencial, a Dataprev liberou para a aprovação do Ministério da Cidadania o resultado de mais de 2 milhões de pedidos do benefício, grande parte dos cadastros foram feitos entre os dias 17 de junho e 2 julho – último dia para a solicitação do benefício.

Publicidade

De acordo com Gustavo Canuto, presidente da Dataprev, cerca de 1,5 milhão devem ser aprovados recebendo a confirmação nos próximos dias, enquanto outros 500 mil terão retorno negativo na solicitação para integrar o programa.

Entre os motivos para o benefício ter sido negado estão: renda familiar declarada superior ao que foi declarado, beneficiários do INSS, pessoas que estão recebendo seguro-desemprego, pessoas com carteira assinada.

Publicidade

Caso a pessoa tenha preenchido algum dado incorreto, terá que solicitar um novo requerimento, informando os dados corretos. Quem não encontrou erro e não concorda com a decisão da Dataprev pode solicitar uma contestação, pedido este que passará sob nova análise, mas que não tem prazo fixado para ser respondido.

Publicidade

Integral

Os beneficiários que tiverem o seu cadastro confirmado receberão normalmente as cinco parcelas do Auxílio Emergencial, com um calendário ainda a ser definido pelo governo federal. 

Publicidade

Mães chefes de família recebem R$ 1.200, enquanto trabalhadores comuns recebem o valor de R$ 600, nas três primeiras parcelas. Já as parcelas adicionais ainda não tiveram o formato de pagamento e valores devidamente oficializados. Acredita-se, conforme sinalizou o ministro da Economia, Paulo Guedes, que serão mais quatro parcelas, com valores diferentes.

Publicidade
Publicidade
Publicidade