in

Positivo de Bolsonaro para a Covid-19 liga alerta em Brasília; quem o presidente pode ter contaminado?

Presidente da República teve contato com várias pessoas nos últimos dias; ministros devem ser testados.

Igo Estrela - Metropoles

Após anunciar que estava com sintomas da Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) confirmou, nesta terça-feira (07), que testou positivo para a doença. Segundo informações do jornal O Globo, o chefe do Executivo começou a se queixar de mal-estar e cansaço desde o último fim de semana, e o seu quadro positivo deixa ministros e pessoas mais próximas do governante preocupadas.

Publicidade

Desde a última sexta-feira (03), Bolsonaro teve uma sequência de reuniões e compromissos, encontrando com várias pessoas; entre eles até o embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Todd Chapman.

Em entrevista à CNN, Bolsonaro não recomendou seus ministros a realizarem o teste da Covid-19, apesar do contato próximo com ele. “Cada um sabe das suas condições físicas”, disse Bolsonaro.

Publicidade

Lista dos possíveis contaminados

Abaixo você confere um cronograma dos compromissos de Bolsonaro, e quem o presidente da República pode ter contaminado.

Publicidade

Na sexta-feira (03), o chefe do Executivo se encontrou ao menos com três pessoas: o general Braga Netto, que é ministro-chefe da Casa Civil; o ministro de Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho; além do presidente da Fiesp, Paulo Skaf.

Publicidade

No sábado, Bolsonaro marcou presença em uma reunião informal com o embaixador dos EUA no Brasil, Todd Chapman, em almoço comemorativo ao dia da Independência do país norte-americano. Além do diplomata, estavam na reunião Lorenzo Harris, adido de Defesa dos Estados Unidos, Luiz Eduardo Ramos, ministro da Secretaria de Governo, Fernando Azevedo e Silva, ministro da Defesa, Ernesto Araújo, Braga Netto, Flávio Rocha, e Eduardo Bolsonaro, um dos filhos do presidente.

Fechando o fim de semana, Bolsonaro não teve eventos marcados no domingo. Contudo, ele teria passado o dia com a família, que deve passar por baterias de exames da Covid-19.

No dia de ontem, Bolsonaro encontrou ao menos seis ministros antes de rumar para o Hospital das Forças Armadas, em Brasília. Encontraram-se com o presidente os ministro Paulo Guedes (Economia), Braga Netto (Casa Civil), Jorge Oliveira (Secretaria-Geral), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) Augusto Heleno (Gabinete de Segurança) e José Levi Mello (Advocacia-Geral da União).

A lista de possíveis pessoas que tiveram contato direto com o presidente ainda é complementada com Marcos Heleno Guerson, presidente do Inmetro, Roberto Miro, vice-presidente da NTC&Logística além do secretário especial da Cultura, Mário Frias.

Diante do teste positivo de Covid-19, o presidente Jair Bolsonaro teve sua agenda de compromissos cancelada, e cumprirá o isolamento à risca.

Publicidade
Publicidade
Publicidade