in

Em estado grave, avó ‘esquecida’ de Michelle Bolsonaro precisa esperar por vaga em UTI

Maria Aparecida, avó da primeira-dama, esposa do presidente Jair Bolsonaro, foi removida após 24 horas de espera.

Fotomontagem: Bruno Avila / Carolina Antunes/PR/Flickr / Jornal de Brasília

Maria Aparecida Firmo Ferreira, de 80 anos, que tem uma realidade de pobreza e recentemente ficou conhecida como a ‘avó esquecida’ de Michelle Bolsonaro, por ter pouco contato com a primeira-dama, está internada em estado grave da doença Covid-19, causada pelo novo coronavírus.

Publicidade

A idosa contraiu a doença e, sem saber que estava infectada, foi até em direção a uma farmácia próxima de sua casa, passou mal e foi socorrida após desmaiar no meio da rua. Maria Aparecida reside em Sol Nascente, em Brasília.

Sentindo falta de ar e já com a suspeita da Covid-19, antes de ser diagnosticada pelos médicos, a avó materna de Michelle Bolsonaro foi internada no Hospital Regional de Ceilãndia (HRC)

Publicidade

A idosa foi, posteriormente, encaminhada para o Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) após ter uma piora em seu quadro. O intuito era que Maria Aparecida fosse internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital, porém não haviam vagas.

Publicidade

A avó da primeira-dama brasileira ficou 24 horas esperando e, finalmente, conseguiu uma vaga. Com 78% do pulmão comprometido, a idosa tem histórico de dispneia há 15 dias, tendo piora progressiva, apresentando quadros de tontura, tosse seca e coriza. Maria Aparecida, no entanto, negou que tenha sentido febre, diarreia e congestão nasal.

Publicidade

Segundo Maria de Fátima, filha dela e tia de Michelle Bolsonaro, com o quadro atual da idosa, os médicos optaram pela utilização de máscara reinalante, que é um dispositivo de alto fluxo, ofertando até 95% de oxigênio. Maria Aparecida, por mais que esteja em um estado complicado, não foi entubada.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com