in

Em meio à pandemia da Covid-19, bar disfarçado de Pet Shop é fechado no Rio

No momento da abordagem da fiscalização, cerca de 16 pessoas estavam no local.

Catraca Livre

Em meio à pandemia do novo coronavírus, muitas cidades adotaram o isolamento rígido para controlar a disseminação, permitindo assim apenas a abertura de comércios essenciais. Aproveitando que o pet shop se enquadra nesta lista, um homem em Petrópolis, no Rio de Janeiro, transformou o seu estabelecimento em um bar, mas a ação não deu muito certo.

Publicidade

Em fiscalização, a prefeitura do município identificou que o pet shop estava sendo usado como disfarce para a comercialização de bebidas alcoólicas e autuou o dono do bar, fechando o estabelecimento.

Tanto o bar como o pet shop são do mesmo dono. O homem, no entanto, tem apenas o alvará de funcionamento para o bar. No momento da fiscalização, o pet shop estava aberto, mas só de “fachada” para o bar que funcionava ao lado. Ou seja, os clientes entravam pelo pet e se dirigiam ao boteco.

Publicidade

Punição

O empresário recebeu uma autuação da Secretaria de Serviços, Segurança e Ordem Pública, e foi multado em R$ 800. Além disso, ele foi intimado a apresentar o alvará de funcionamento do pet shop, para poder reabrir o comércio novamente. Ambos estabelecimentos foram interditados pelos fiscais da prefeitura.

Publicidade

De acordo com informações do portal UOL, a assessoria da prefeitura de Petrópolis informou que 16 pessoas estavam no bar quando acabaram sendo surpreendidas pela operação. Todos foram orientados a colocar máscaras e se dispersarem do local.

Publicidade

Números da pandemia

No último balanço divulgado pelas autoridades de saúde, a cidade de Petrópolis acumulava 1.382 casos de infectados pela Covid-19 e 100 mortes. O Rio de Janeiro é um dos estados mais afetados do Brasil até o momento.

Publicidade
Publicidade
Publicidade