in

Prefeitura de Duque de Caxias confirma corpos abandonados em corredores do Hospital Moacyr do Carmo

Prefeito, que também foi vítima do coronavírus, deu declaração em vídeo compartilhado nas redes sociais.

(Foto: Lucas Araújo / Super Rádio Tupi)

A cidade de Duque de Caxias, localizada no estado do Rio de Janeiro, foi uma das últimas a adotarem o isolamento social e as medidas para evitar a contaminação da população pelo novo coronavírus. Hoje, as medidas são bem mais rígidas quanto ao funcionamento de estabelecimentos, mas um grande estrago já foi feito. Ontem, a Prefeitura comunicou que é verdade a situação do Hospital Moacyr do Carmo, onde foram feitas imagens de corpos abandonados nos corredores da unidade.

Publicidade

O Hospital Moacyr do Carmo é o mais novo e um dos principais da cidade, que tem como cobertura o Adão Pereira Nunes, que é gerido pela administração estadual. Uma matéria promovida pela Tupi, cobre com exclusividade a acusação de que a empresa AGR Obelisco Serviços Funerários estaria negando a retirada dos corpos do hospital, ocasionando o problema.

Ainda de acordo com a Prefeitura, os corpos abandonados pelo corredor do Moacyr seriam de pessoas que faleceram vítimas do coronavírus. A Prefeitura alega ainda que ela foi a denunciante da empresa AGR Obelisco Serviços Funerários, pela suposta responsabilidade na negligência com o tratamento dos corpos.

Publicidade

Ainda na acusação feita contra a empresa, a Prefeitura alega que a AGR Obelisco estaria dificultando o acesso de pessoas que teriam gratuidade na prestação dos serviços funerários, de acordo com um decreto municipal. A AGR Obelisco atua em Duque de Caxias há mais de 10 anos.

Publicidade

O que diz a empresa AGR Obelisco Serviços Funerários

Por nota, a concessionária afirmou que não é de sua responsabilidade a administração do necrotério da unidade, afirmou ainda que só foi notificada no dia 25 (sábado), pelo presidente da Câmara Municipal da cidade, o vereador Sandro Lélis.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Evandro

O mundo do entretenimento é a minha vida.